Pular para o conteúdo principal

POSTAGEM EM DESTAQUE

VISUAL ARTV - ‘Dança se Move Ocupa’ traz um mês de ações culturais na Funarte SP

‘Dança se Move Ocupa’ traz um mês de ações culturais na Funarte SP
Organizado por artistas da dança de São Paulo, evento dinamiza o complexo cultural da Funarte, com 26 apresentações de núcleos artísticos, seis debates sobre temas que envolvem a arte e a cultura na atualidade nacional, nove oficinas, JAM de Contato Improvisação, performances, lançamento de livros e sessão de cinema.
                                                                         Foto: Fellipe Oliveira (“situação 3# posição amorosa”)
Entre 11 de novembro e 16 de dezembro, a Funarte São Paulo acolhe o ‘Dança se Move Ocupa’, uma intensa programação artística proposta pelo Movimento A Dança se Move, organização independente da dança contemporânea paulistana, que reúne algumas dezenas de núcleos artísticos, que vêm produzindo pesquisa e obras sempre antenados com os acontecimentos no Brasil e no mundo. Mesmo sem nenhum tipo de apoio financeiro, durante as cinco semanas do evento, os artistas estarão mobilizados com apr…

VISUAL ARTV - Centro de Referência da Dança retoma programa “Cartografia do Possível” com três novos trabalhos




Centro de Referência da Dança retoma programa
“Cartografia do Possível” com três novos trabalhos



       Foto Alberto Rocha (“Can you see it?”, Val Souza)

A partir da segunda semana de janeiro, o Centro de Referência da Dança retoma as ações do projeto “Novo circuito de afetos”, em modo de gestão compartilhada entre a Associação Cultural Corpo Rastreado e a Secretaria Municipal de Cultura. Além dos vários cursos e oficinas com inscrições abertas, o CRD dá continuidade ao seu Cartografia do Possível”, programa que se pretende permanente e permeável às possibilidades dos artistas e grupos independentes. Val Souza, mestranda em Dança pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), inaugura a programação de 2018, com a performance itinerante “Can you see it?”, nos espaços do CRD e arredores, no dia 18 de janeiro (19h); na tarde de sábado (dia 20, às 14h), a performer Flaviana Benjamin faz a intervenção urbana “Alvo”, na Praça Ramos de Azevedo. Na semana seguinte, dias 26 e 27, a bailarina Lilian Wiziack apresenta “Modo-cão” (19h), na Sala Cênica Ivonice Satie.
Imersão sonora, imagética, sensorial e gustativa, “Can You See It?” traz como discussão um corpo negro que rejeita o lugar de constante objetificação e magnetiza balas policias, olhares de reprovação e perversas palavras de racismo. Tendo seu corpo como motriz criadora e cenário principal, Val Souza desenvolve as potencialidades periféricas acompanhada por trilha sonora de  Tico (Pró estúdio skul índigo), fundamentada no funk e no pagode baiano, populares principalmente nas extremidades das regiões Sudeste e Nordeste do Brasil. A luz é de Paula Cassimiro
Nesta intervenção urbana, Flaviana Benjamin se propõe a ser “Alvo” para o público passante da Praça Ramos de Azevedo. A ação é uma resposta aos massacres indígenas que tornam o ato de matar um gesto compulsório e sem precedentes na Lei. A partir da interferência do outro (tiro), o corpo deixa o repouso e passa a ganhar novas formas.
“Modo-cão” tem como ignição a obra ‘Wolf Alice’, da artista plástica Gina Litherland, cujas pinturas habitam universos cheios de ambiguidade, com animais e criaturas, mistério, feminino e hibridismo. A partir da aproximação com o corpo canino, Lilian Wisiack experimenta possíveis fissuras e atravessamentos que desestabilizem o corpo em seu modo de ser e abra lacunas para modos desconhecidos. O trabalho foi desenvolvido junto com Renato Jacques, na Residência Coreográfica Lugarização-2017, realizada pela Cia. Corpos Nômades, no Espaço Cênico O Lugar.
Todas as apresentações têm entrada gratuita.

MODO CÃO - Liiian Simões Wiziack




 Alvo - Flaviana Benjamin

_______________________________________________
Serviço:
18/01 (quinta-feira), às 19h
“Can You See It?”, de Val Souza
CRD e arredores (performance itinerante)
Classificação indicativa: Livre
Duração: 55 minutos

20/01 (sábado), às 14h
“Alvo”, de Flaviana Benjamin
Praça Ramos de Azevedo (intervenção urbana)
Classificação indicativa: livre
Duração: 30 minutos

26 e 27/01 (sexta e sábado), às 19h
Modo-cão”, de Lilian Wiziack
Sala Cênica Ivonice Satie
Classificação indicativa: livre
Duração: 30 minutos
Centro de Referência da Dança de São Paulo – CRDSP
Baixos do Viaduto do Chá, s/n – ao lado do Teatro Municipal (próximo às estações Anhangabaú, São Bento e República do Metro).
Informações: 32143249 | 953013769


Informações adicionais:
Elaine Calux – assessoria de imprensa
11 33689940 | 964655686
Coordenação de Comunicação CRDSP
(11) 3214 3249 / 9 8526 3528

Comentários