Pular para o conteúdo principal

POSTAGEM EM DESTAQUE

VISUAL ARTV - ‘Dança se Move Ocupa’ traz um mês de ações culturais na Funarte SP

‘Dança se Move Ocupa’ traz um mês de ações culturais na Funarte SP
Organizado por artistas da dança de São Paulo, evento dinamiza o complexo cultural da Funarte, com 26 apresentações de núcleos artísticos, seis debates sobre temas que envolvem a arte e a cultura na atualidade nacional, nove oficinas, JAM de Contato Improvisação, performances, lançamento de livros e sessão de cinema.
                                                                         Foto: Fellipe Oliveira (“situação 3# posição amorosa”)
Entre 11 de novembro e 16 de dezembro, a Funarte São Paulo acolhe o ‘Dança se Move Ocupa’, uma intensa programação artística proposta pelo Movimento A Dança se Move, organização independente da dança contemporânea paulistana, que reúne algumas dezenas de núcleos artísticos, que vêm produzindo pesquisa e obras sempre antenados com os acontecimentos no Brasil e no mundo. Mesmo sem nenhum tipo de apoio financeiro, durante as cinco semanas do evento, os artistas estarão mobilizados com apr…

VISUAL ARTV - Visceral no Teatro Augusta



Visceral


No próximo dia 24 de abril acontece no Teatro Augusta a leitura dramática do texto Visceral da autora mineira Nanna de Castro, com direção de Dan Rosseto dentro do projeto Cena 10. No elenco os atores Chica Portugal, Henrique Schafer, Paulo Gabriel e Teca Pereira.

Visceral é um texto de suspense com boas pitadas de humor. Aborda a barbárie, a Cracolândia e a dependência química e ELA- Esclerose lateral amiotrófica. A história se projeta numa thriller psicológico recheado de suspense, deixando o espectador intrigado e incerto quanto a em que acreditar.

João (Paulo Gabriel) é um artista plástico da nova e atual safra de criativos que obteve notoriedade através de suas obras com cores primitivistas além de uma estranha textura presente em suas telas. Para aproveitar o bom momento, fará uma individual de suas novas obras e ainda lançará um livro sobre sua carreira meteórica. Recebe então em seu ateliê, o ácido crítico Jordão (Henrique Schafer) para uma entrevista conturbada e assustadora.

Durante a entrevista o artista plástico revela seu lado psicopata, com o auxílio da sua diarista Alice (Teca Pereira), sua segunda mãe. João titubeia ao conhecer Angélica (Chica Portugal), uma usuária terminal de drogas, que move os instintos mais profundos do artista, travando uma luta interna para poupar a jovem do seu lado mais desumano e cruel. Tudo isso se entrelaça numa obra teatral que visa confundir o espectador e gerar dúvidas sobre quem é o são da história e o que de fato acontece naquele ateliê. A Leitura contará ainda com dois músicos: Nahuel Caran na percussão e Rafael Albertini no violino.

A montagem está em fase de captação para ganhar temporada nos palcos da capital Paulista.
“Visceral é um texto voltado a temas atuais e ambientado na Cracolândia em São Paulo. Traz uma profunda crítica social e um questionamento do lugar da arte no mundo contemporâneo, mas num formato ágil, como um triller de suspense com pitadas de humor. Os personagens centrais carregam dramas humanos profundos e dançam na borda do abismo. Foram inspirados em figuras geniais da nossa sociedade como o inesquecível jornalista Paulo Francis”, afirma Nanna de Castro.

O CENA 10 que ocorre quinzenalmente às terças-feiras no Teatro Augusta. Encabeçado por Carlos Fernando Barros, Denio Maués, Marcos Ferraz, Tarcísio Lara Puiati e Vitor de Oliveira, o projeto entrou no seu segundo ano, e abriga textos inéditos de nomes da dramaturgia contemporânea brasileira em diversos gêneros, do drama ao musical. A edição de 2018 trará textos inéditos de autores de outros estados, como Bahia e Minas Gerais, além do tradicional eixo Rio-São Paulo.

FICHA TÉCNICA:
Texto: Nanna de Castro
Direção: Dan Rosseto
Elenco: Chica Portugal, Henrique Schafer, Paulo Gabriel e Teca Pereira.
Músicos: Nahuel Caran (percussão) e Rafael Albertini (violino)
Produção: Chica Portugal, Nana de Castro e Paulo Gabriel
Assessoria de Imprensa: Fabio Camara
Apoio: E! Motion Cultural
Realização: Projeto de Leituras Dramáticas CENA 10
SERVIÇO:
LOCAL: Teatro Augusta (Rua Augusta 943, Cerqueira Cesar), 304 lugares. Acesso à deficiente.
DATA: 24/04 (terça 20h)
INGRESSOS: Gratuito
INFORMAÇÕES: (11) 3141 5151
DURAÇÃO: 60 min
CLASSIFICAÇÃO: 14 anos

EQUIPE:

Nanna de Castro

Nanna de Castro é publicitária, roteirista, escritora e autora teatral premiada em suas diversas áreas de trabalho. Desde 1990 atua criando campanhas, eventos e vídeos para grandes empresas e marcas. Formou- se em Psicologia e Artes Cênicas na UFMG no Palácio das Artes, em Belo Horizonte. Escreveu mais de 10 obras e continua criando uma média de duas obras por ano, trafegando do drama à comédia e entre linguagens artísticas diferentes, com destaque no cinema para: "Eu Te Darei o Céu" ganhadora do Kikito de melhor roteiro em Gramado. Com o filme "A História Real", recebeu o prêmio de melhor roteiro na Jornada Internacional de Cinema da Bahia(1999) e também no Festival de Curtas de Santos. Na TV: roteirista em projetos para a TV Globo, TV Cultura, TVs Educativas e RTP de Portugal. No teatro: É autora dos textos "Vô Doidim e os Velhos Batutas" (indicado em nove categorias do prêmio Coca-Cola, entre elas, melhor texto), "O Menino que virou História" (Prêmio Usiminas de Melhor texto e indicado ao prêmio Coca-Cola de melhor texto), além de peças adultas que foram sucesso de crítica em São Paulo como "Mundus Immundus", "O Jardim das Delícias", "Eu Te Darei o Céu", “Novelo" e “A Bala Na Agulha”.  Na literatura: Tem dois livros de poemas publicados, "Perverso"e"Curto-Circuito", e um livro de crônicas, “Só as Magras e Jovens São Felizes”. Em 2016 publica seu novo livro “O Céu Não é Um Lugar” pela editora Chiado.
Dan Rosseto

Dan Rosseto é autor, diretor, ator e produtor cultural. Tem em seu currículo mais de 10 textos escritos, entre os destaques já encenados estão: “Diga que você já me esqueceu”, “Enquanto as Crianças dormem” indicado na categoria dramaturgia no prêmio Aplauso Brasil, “Antes de Tudo”, “Manual Para dias Chuvosos” indicado como melhor drama em 2014 entre outros. Como diretor esteve em espetáculos como “Eles não Usam Black tie”, “Maldito Coração”, “Dois Irmãos”, “O Falcão Vingador”, “Valsa n 6”, “Quando as Máquinas Param”, “Entre! A Porta está aberta”, “Tadzio”, “O Colecionador”, os musicais “Hoje é dia de Maria”, “Lisbela e o Prisioneiro” e “O Primo Basílio”, entre outros. Como ator já trabalhou com profissionais como Fátima Toledo, Caco Ciocler, Sônia Guedes, Silvio Zylver, Glória Rabelo, Cesar Baptista, Sergio Ferrara, Jarbas Capusso Filho, entre outros.
Teca Pereira
Teca Pereira, atriz, ganhadora do prêmio Mambembe de melhor atriz coadjuvante em 1997. Com mais de 30 anos de carreira atuou em diversas montagens teatrais, além de grandes obras na televisão e no cinema: Treze Dias Longe do Sol,  Os Experientes, Felizes para Sempre,  Força-Tarefa, Passione, Cinquentinha, Som & Fúria, Duas Caras, Amazônia, de Galvez a Chico Mendes, Belíssima, Carandiru, Outras Histórias etc, no cinema trabalhou emTrash, A Hora e a Vez de Augusto Matraga, Um Homem Qualquer, Quanto Vale ou é Por Quilo?, Domésticas, e  no teatro atuou em O Que Terá Acontecido a Baby Jane?, Vanya e Sonia e Masha e Spike, Vidas Secas entre outras.
Paulo Gabriel
Paulo Gabriel, ator, natural de São Paulo é formado pelo Globe-SP. Fez cursos complementares no Studio Fátima Toledo, Instituto Stanislavsky e workshop com diversos diretores. Em 8 anos de carreira, atuou em 14 peças teatrais, como Bodas de Sangue, Drama da Paixão de Cristo, Eles Não Usam Black Tie, Romeu&Julieta. Têm ampla experiência em cinema independente, tendo atuado em mais de 30 obras. No circuito comercial participou dos Longas: Mariguella,Dir.Wagner Moura ; 2 Coelhos, de Afonso Poyart; Homem Perfeito, Dir.Marcus Baldini; Mundo Cao, do Dir.Marcos Jorge; Pedro Malasartes, Dir. Paulo Morelli(O2). Na TV, participa das Séries: Augusta(O2+TNT) de Pedro Morelli; Super Max(Globo), de José Alvarenga; Tempero Secreto(GNT), Dir.Pedro Amorim; 3%, da Netflix e Boutique Filmes, segunda temporada; Chamado Central (MultiShow), de Rafinha Bastos; 13 Dias(O2+Globo), de Luciano Moura.
Chica Portugal
Chica Portugal é atriz formada pela Escola de Teatro Ewerton de Castro, bailarina pela Faculdade Paulista de Artes e bacharel em Artes Cênicas na mesma instituição. Tem em seu currículo mais de 30 espetáculos como atriz, bailarina, assistente de direção e coreógrafa. Tendo trabalhado e estudado com importantes nomes da dança e da cena teatral entre eles Denise Namura (FRA), Sandro Borelli, Paulo Goulart Filho, Nicette Bruno, Ramiro Silveira (UK), Livia Sabag, André Heller, Bete Dorgam. No audiovisual atuou em longas e premiados curtas-metragens como: O Tanatatopraxista de Eduardo Melo e Mariana Bardan, Onde Quer que Você Esteja de Bel Bechara e Sandro Serpa, Eu Te Darei o Céu de Afonso Poyart, Béa de Fernanda Metidieri, Histórias Estranhas, na Televisão participou de Mulheres Apaixonadas (TV Globo), Chiquititas (SBT) e Carcereiros (TV Globo/Gulane Filmes).
Henrique Schafer
Ator com Licenciatura em Artes Cênicas pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo, no período de 1999 a 2002, dedica-se a atividades artístico-pedagógicas e gestão cultural, além dos trabalhos de atuação em teatro, televisão e cinema. Seus últimos trabalhos em teatro foram O Porco (com indicação ao Prêmio Shell de Melhor Ator em 2005; Afogando em Terra Firme (com indicação de prêmio da APCA em 2013, Consertando Frank e Sinthia. Em cinema destaque para sua participação no longa O Que se Move. Seus últimos trabalhos para televisão foram em O Negócio (HBO) e 3% (Neflix).
Nahuel Caran (percussão)
Nahuel Caran é um artista multidisciplinar soteropolitano, ator e músico com 25 anos de carreira dos quais 10 de experiência internacional com espetáculos de percussão e dança e como crooner e percussionista das bandas: SambaLivre, A Banda do Pelô (tour Suíça, Espanha e Italia) Prakaton, Zurawsky (tour Turquia e Grecia), Chrigor (tour Italia), entre outras. Residente em São Paulo há 6 anos atuou como sonoplasta na peça "Pedacos- um longform de improviso"(cia Laranja) direção Gustavo MirandaE "Crime e Castigo" (cia Atica) direção Raul Rodrigues.
              
Rafael Albertini (violino)
Rafael Albertini, paulistano, iniciou seus estudos musicais no Projeto Grupo Pão de Açúcar aos 15 anos de idade tocando violino na classe da violinista Renata Jaffé. Aos 17 anos ingressou na orquestra do projeto onde realizou diversos concertos dentro e fora do Brasil, em países como, Argentina, Itália, França e Estados Unidos onde teve o privilégio de tocar na aclamada sala de concertos Carnegie Hall, em Nova Iorque. Bacharel em Violino pela Fundação Instituto Tecnológico de Osasco, Rafael teve parte de sua formação construída por festivais nacionais e internacionais, onde foi bolsista na sua grande maioria, como por exemplo no festival de dois meses realizado pela Berklee College of Music em Boston - MA, onde recebeu bolsa de 100% da universidade americana, considerada como a melhor universidade de música popular e moderna do mundo. Aos 24 anos Rafael Albertini é integrante da Orquestra Sinfônica Heliópolis e atua como primeiro violino na orquestra que é considerada uma das 3 melhores orquestras jovem da cidade de São Paulo.
Fabio Camara
Assessoria de Imprensa e Produções
fabio@lugibi.com.br
(11) 2640-0278
(11) 9 9131-6727




Comentários