Pular para o conteúdo principal

POSTAGEM EM DESTAQUE

GALERIA ROBERTO CAMASMIE DESTACA NOVA YORK EM MOSTRA DE FOTOGRAFIA

GALERIA ROBERTO CAMASMIE DESTACA NOVA YORK EM MOSTRA DE FOTOGRAFIA “New York, New York” apresenta o olhar de Marcello Barbusci e Thales Trigosobre aspectos humanos e urbanísticos desta cidade mágica, em imagens coloridas e em preto e branco

VISUAL ARTV - Cia Perversos Polimorfos leva ‘Shine’ à Paranoid BR




Cia Perversos Polimorfos leva ‘Shine’ à Paranoid BR


                                                                                                                                                                               Foto Fábio Furtado 

SHINE+Perversos Polimorfos+Foto Fábio Furtado4



A Cia Perversos Polimorfos, dirigida por Ricardo Gali, apresenta no próximo fim de semana (dias 7 e 8/7), na Paranoid BR, sede da produtora de filmes e conteúdo publicitário localizada na Vila Leopoldina, “Shine”,  trabalho que surge da absoluta descrença na coerência e na ordem. A entrada é gratuita.
“Shine” cria uma ficcionalidade a partir do conceito de reflexo em suas várias acepções – tanto no sentido do efeito produzido pela irradiação luminosa emitida por um corpo, como daquilo que evidencia algo, ou ainda como a capacidade de reagir de forma rápida e eficiente em resposta ao estímulo de um receptor sensorial. São danças de destruição e renovação, oriundas de indagações acerca da trajetória da companhia e do contexto em que está inserida. Sob quais parâmetros se pode continuar criando?
O trabalho foi desenvolvido em meio a um processo que abarcou uma série de intervenções colaborativas com as artistas Beatriz Sano, Rafaela Sahyoun e Tarina Quelho, bem como discussões a partir do tema ‘economia da dança’, promovidas nos “Ensaios Perversos”, ações que a companhia levou dentro do projeto “Retrovisor”, contemplado pelo 19º Fomento à Dança.
“Shine” traz no elenco Carolina Canteli, Danielli Mendes, Danilo Patzdorf, Gabriel Tolgyesi, Jerônimo Bittencourt e Marina Matheus. A luz de Aline Santini recebeu o Prêmio Denilto Gomes e indicação para o APCA – Associação Paulista de Críticos de Arte – de 2017. Lourenço Rebetez responde pela trilha sonora. A direção e o figurino são de Ricardo Gali, com a assistência de direção de Patrícia Bergantim.
____________________
Serviço: “Shine”, com a Cia Perversos Polimorfos, dirigida por Ricardo Gali.
Dias 7 e 8/7 (sábado e domingo), às 20h
Local: PARANOID BR
Av. Mofarrej, 1270 - Vila Leopoldina, São Paulo - Tel: 11 30226363
(400m da Est. Ceasa (Linha 9 Esmeralda / Conexão com Linha 4 Amarela em Pinheiros).
1400m da Est. Imperatriz Leopoldina (Linha 8 Diamante / Conexão com a Linha 3 Vermelha na Barra Funda)
Duração: 60 min
Classificação: livre
Ingressos: Grátis

Ficha técnica:
‘Shine’
Direção: Ricardo Gali
Assistente de direção do espetáculo: Patrícia Bergantin
Assistente de direção geral: Carolina Splendore
Intérpretes: Carolina Canteli, Danielli Mendes, Danilo Patzdorf, Gabriel Tolgyesi, Jerônimo Bittencourt e Marina Matheus
Desenho de luz: Aline Santini
Operação de luz: Clara Caramez
Trilha sonora original: Lourenço Rebetez
Desenho de som: Kleber Araújo
Associação desenho de som: Luis Santiago Málaga
Operação de som: Rafael Limongelli
Figurino: Ricardo Gali
Direção de produção: José Renato Fonseca de Almeida 
Produção executiva: Rafael Limongelli


Informações adicionais:
Elaine Calux – assessoria de imprensa
11 33689940 | 964655686
elaine.calux@gmail.com


Comentários