Pular para o conteúdo principal

POSTAGEM EM DESTAQUE

VISUAL ARTV - PINA - DOMINIQUE GIGLIOT LE JUMELAGE (A geminação), 2018

VISUAL ARTV - Renato Linhares dirige peça de Alex Cassal sobre apocalipse zumbi que estreia no Sesc Belenzinho

     
                                                                                                                                      LogoVerbena-azul.jpg

Renato Linhares dirige peça
de Alex Cassal sobre apocalipse
zumbi que estreia no Sesc Belenzinho




No dia 28 de setembro, sexta, às 21h30, estreia no Sesc Belenzinho o espetáculo Mortos-Vivos - Uma Ex-Conferência. O texto de Alex Cassal, dirigido por Renato Linhares, parte da premissa fantástica da que o apocalipse zumbi é fato, neste momento. A nova montagem do grupo carioca Foguetes Maravilha, que está completando 10 anos, é a uma metáfora sobre as mazelas do mundo contemporâneo, e uma conferência é realizada para descobrir as armas necessárias para enfrentar esses ‘zumbis’.

No enredo, o apocalipse zumbi já aconteceu, e neste exato momento cadáveres animados e famintos andam pelas ruas da cidade. A montagem é uma espécie de conferência à beira do abismo, onde quatro especialistas analisam a crise que tomou o mundo e instruem os espectadores sobre estratégias de sobrevivência. Enquanto o caos se espalha, discutem assuntos como alteridade, xenofobia, fascismo, preconceito, tortura, banalidade do mal, fascínio pela violência, sistema digestivo dos zumbis e razões evolutivas para que os seres humanos tenham um medo inato de serpentes.

Pairam no ar inquietantes questões sobre como enfrentar a ameaça, combater mortos-vivos insaciáveis que invadem as casas e despedaçam as pessoas, discutir ética com seres inarticulados que tentam mastigar o nosso cérebro. O mundo que conhecíamos acabou. Não há mais governo, sinais de trânsito, produtos de supermercado, etiqueta social, amenidades. O que resta é a sobrevivência, resta saber do que é possível abrir mão para garantir essa sobrevivência.

Segundo o autor Alex Cassal, “do filme A Noite dos Mortos-Vivos a Walking Dead, o zumbi foi se tornando o monstro por excelência do nosso tempo. A sua imagem, simultaneamente, patética e assustadora conquistou o cinema, a literatura e a cultura pop. Tornou-se uma metáfora explorada por políticos e filósofos, cantores e cientistas”. O espetáculo reflete sobre esse zumbi que é sempre o outro, aquele que é semelhante, porém alienígena; aquele que nos ameaça com sua presença. E para enfrenta-lo todas as armas são permitidas: o isolamento, a agressão, até a destruição completa. Os zumbis estão nas ruas, nas redes sociais, na televisão, no congresso brasileiro.

Mortos-Vivos:Uma Ex-Conferência - nova realização dos Foguetes Maravilha - estreou no Festival Cena Brasil Internacional (RJ). A companhia já realizou as montagens Ele Precisa ComeçarNinguém Falou Que Seria Fácil eSíndrome de Chimpanzé. Em suas produções explora modos de estar em cena e de se relacionar com o público. Suas encenações borram os limites entre palco, plateia, ficção e realidade, e empilham camadas de significados, linguagens e procedimentos artísticos, criando um território híbrido e fluido. A Foguetes Maravilha busca por um teatro calcado na comunicação com os espectadores e na revelação dos mecanismos cênicos, convidando o público a questionar seu próprio papel no mundo.

Ficha técnica
Texto: Alex Cassal
Direção: Renato Linhares
Elenco: Felipe Rocha/Fabio Osório, Lucas Canavarro, Renato Linhares e Stella Rabello/Wallace Ruy 
Assistência de direção: Fábio Osório Monteiro
Colaboração artística: Marina Provenzzano e Tereza Alvarez
Direção de produção: Tatiana Garcias
Produção local: Náshara Silveira
Iluminação: Tomás Ribas
Cenografia: Estúdio Chão – Adriano Carneiro de Mendonça e Antonio Pedro Coutinho
Figurinos: Antônio Medeiros e Guilherme Kato
Direção musical: Domenico Lancellotti
Consultoria de som: Leo Moreira
Desenho de som: Francisco Slade
Caracterização: Rodrigo Bastos
Programação visual: Lucas Canavarro
Fotos: Francisco Costa
Registro em vídeo: Pedro Henrique Ferreira
Idealização/produção: Foguetes Maravilha
Realização: Sesc SP

Serviço

Espetáculo: Mortos-Vivos - Uma Ex-Conferência
Temporada: 28 de setembro a 27 de outubro
Horários: Sexta e sábado, às 21h30; domingo, às 18h30
Local: Sala de Espetáculos I (90 lugares).
Gênero: Drama. Duração: 80 minutos. Não recomendado para menores de 12..
Ingressos: R$ 30,00 (inteira); 15,00 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante) e R$ 9,00 (credencial plena do Sesc: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciado no Sesc e dependentes).
Venda pelo Portal e unidades do Sesc. Limite de 4 ingressos por pessoa.

Sesc Belenzinho
Endereço: Rua Padre Adelino, 1000
Belenzinho – São Paulo (SP). Telefone: (11) 2076-9700

Estacionamento: Para espetáculos com venda de ingressos após as 17h: R$ 15,00 (não matriculado); R$ 7,50 (credencial plena no SESC - trabalhador no comércio de bens, serviços e turismo/ usuário).


Assessoria de imprensa - Período: 15/07 a 02/12/2018
VERBENA ComunicaçãoEliane Verbena / João Pedro
Tel: (11) 2738-3209 / 99373-0181 - 
verbena@verbena.com.br

Sesc Belenzinho
Tel : (11) 2076-9762imprensa@belenzinho.sescsp.org.br
SESC SP | Facebook | Twitter

Comentários